Dicionário BDSM & Fetiches

Um comentário:

  1. Olá, Senhor, tudo bem? Tenho acompanhado seu blogue e seus posts por motivo de pesquisa. Sou autor de livros eróticos e tenho me dedicado a escrever algumas coisas com nuances BDSM, no entanto queria me aprofundar mais no assunto e gostaria de sanar uma dúvida contigo. O prazer do dominador está no ato da dominação, então mesmo que ele seja heterossexual, ele pode ter um submisso gay, apenas para exercer os seus desejos, mesmo que não culmine em um ato sexual? E caso haja a necessidade do ato sexual, ou caso o dommer sinta prazer o voyerismo, ele pode usar de outros escravos (as) para que estimulem sexualmente este escravo gay?

    Gostariam muito que o senhor pudesse me responder. Amo seu blogue, acho-o incrível e o admiro pela sua persistência em manter o espaço. Conversei com alguns dominadores, que não me dera algumas informações, por estarem um pouco desiludidos com o mundo do BDSM, alguns bem tristes em relação a como as coisas tem andado no meio.

    Um abraço, Senhor.

    ResponderExcluir



___________________________

AVISO: Todas as práticas, atividades e comportamentos relacionados ao BDSM devem ser realizados dentro dos limites do SÃO, SEGURO E CONSENSUAL. Para além do S.S.C. e da hierarquia, que são conceitos básicos e fundamentais dentro das relações BDSM, tudo o que eu falo representa apenas a MINHA VISÃO sobre esse universo. E quando falo de dominadores, submissas e relações... vale para todos os gêneros e combinações. O que importa é a posição hierárquica da parte, ou seja, se é dominante ou submissa.
Tecnologia do Blogger.