ATENDIMENTO VIA SKYPE

7.5.15

Transição - Reflexões

Transições são eventos similares a formação de terremotos... quando duas placas tectônicas fazem pressão uma contra a outra até o momento que esse tênue equilíbrio colapsa e dessa explosão de energia contida nasce este tremor de terra levando as placas até uma nova situação transitória de equilíbrio.

De forma similar, acho que a transição nasce de uma explosão de energia quando a "placa tectônica" da situação atual não consegue mais conter a da necessidade de mudança.


A volta ao início foi apenas uma consequência... a verdade é que estava insatisfeito por causa das minhas bases fundamentais mal construídas... e como sabe, um alicerce ruim faz o prédio inteiro desmoronar ou no mantém limitado a um crescimento menor do que o potencial.

Cheguei a um nível de necessidade de verdade e pureza nas minhas relações, o qual jamais conseguiria atingir com a situação atual.

Preciso em primeiro lugar ser Dono de mim mesmo... o que não acontecia por causa da minha insatisfação profissional. Eu sempre disse que uma pessoa antes de querer ser posse deveria ser independente e auto suficiente... afinal de contas, você só pode doar a si mesmo se você for se fato dono de "si mesmo".

E isso tem que valer para quem possui também. Eu vivia relações de posse, mas não me sentia merecedor delas e nesse turbilhão seguia vivendo uma enorme tensão interna que me impedia de escrever para o Blog e em alguns dias até de sair da cama..

Antes, já considerava a maneira como a maioria dos que vivem BDSM encaram a posse e a coleira como algo banal, fútil e superficial. Pessoas se permitindo encoleirar e sem a menor ideia do que é pertencer ou possuir.

Hoje nem o que vivia me satisfaz... preciso de uma verdade completa sem a qual prefiro não viver relações de posse.

Então, enquanto trabalho na reestruturação completa da minha vida, vou me satisfazendo com relações mais simples de Domínio puro com quem quiser interagir comigo e que me seja agradável.

Deixar de possuir me deixou mais leve... eram relações de posse que me prendiam mais a elas do que elas a mim... então fechar o círculo e voltar a um novo zero de escala era inevitável.

Enfim, transições não são processos nos quais decidimos ou entrar ou não... da maneira que vejo, são tsunamis pós terremotos que simplesmente nos carregam... muitos ficam perdidos nadando sem rumo... outros podem aproveitar a oportunidade para, se deixando levar por essa onda, ir parar em lugares muito além do horizonte visível.

Eu escolhi ir com a onda. Sempre.


>>>>>>> Deixe seu comentário e compartilhe!

7 comentários:

  1. Olá. É bem claro que, depois de tanto tempo em um universo versátil, a tendência era que chegasse ao momento de transição. É durante este momento, que perceberá os detalhes mais valiosos e dignos de importância nesse universo.
    O grande problema, é que uma tsunami não é uma onda comum, é grande, problemática, poderosa e causa vários danos. Será que escolheste a onda certa para se deixar levar?!
    Adoro seu blog. Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uma transição não é algo como ser um surfista que escolhe a melhor onda e talvez a metáfora do tsunami não seja a melhor para descrever o que acontece. Talvez o evento do colapso de uma estrela a transformando numa supernova explique melhor... e dependendo do material que é feito os resultados vão ser uma estrela anã marrom ou um quasar ou um supermassivo buraco negro. Mas o que acontece de fato é um processo de pressão de toda uma situação ou realidade que leva a fazer com que aquele cenário colapse. A onda de choque é inevitável.. não escolhemos a onda... mas podemos escolher como canalizar essa energia.

      Excluir
  2. Gostei de ler. Fica uma pequena consideração: Don't worry, a seguir à tempestade vem sempre a bonança
    E por vezes há que fazer essa espécie de balanço e depois seguir em frente

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estou bem no meio dessa tempestade... mas já venho de uma longa estrada de nove transições, então conheço bem o processo.

      Essa em especial foi a mais violenta de todas e a que causou mais danos colaterais... mas enquanto verifico nos escombros o que se aproveita, vou trabalhando nas estruturas mais básicas da minha vida.

      O bom de uma transição é que elas nos projeta para frente, renovados e carregados de energia, logo, seguir em frente não é uma opção e sim uma consequência.

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  3. Anônimo11.5.15

    As mudanças ainda que causem alguma estranheza e vazio no seu início, na maioria das vezes trazem um vigor e frescor nas coisas que virão. Li textos seus onde você falava em outras palavras que nem tudo durava pra sempre. Que nessa nova jornada encontre aquilo que tem procurado e logo que as placas se acalmem o caminho esteja mais firme. Seja Feliz! Tanto quanto as meninas. Um beijo grande e boa sorte.
    V.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando uma estrela explode numa supernova não tem como evitar que os planetas do sistema sejam também afetados. Acho que quando uma pessoa entra em transição isso acaba causando mudanças também nos que nos circundam. Acho que as transições não são boas ou ruins... elas apenas são parte da evolução, como os incêndios naturais que renovam florestas ou vulcões submarinos que acabam formando ilhas.

      E isso de nada durar para frente é ainda uma verdade. O fim da nossa história é algo comum a todos os seres humanos e um fato inerente ao de estar vivos... nos cabe apenas a trabalhar nos capítulos.

      Excluir

Blog sobre Dominação, submissão, comportamento, relacionamentos, sexualidade e estilo de vida BDSM.

*** Dominador puro e natural, habitante do Universo BDSM 24/7, cara de mau, mão pesada, bem-humorado para poucos e como John Wayne... Feio, forte e formal.

*** Quando falo de Dominadores, submissas e relações... vale para todos os gêneros e combinações. O que importa em uma relação BDSM é a posição hierárquica da parte (dominante ou submissa).

F.A.Q.

Diário de um Dominador: comece por aqui!

Criei este blog com o objetivo de compartilhar a minha jornada como Dominador e ajudar outras pessoas que estão em busca de autoco...

YOUTUBE