Descobrindo o BDSM

Gladius, estou descobrindo este mundo. Gostaria de entender melhor a respeito. Tem como uma pessoa gostar de ser escrava e ser dominante? Como se descobre uma coisa ou outra? Como é a prática dominante? (ps. conheci um podólatra que já me deu vários sinais de gostar de ser escravo. estou querendo entender melhor este mundo.) Por favor.

Por partes... Fico feliz em saber desse seu momento de descoberta... é sempre muito gratificante observar pessoas rompendo a casquinha do casulo do Mundo Baunilha e estendendo as asas.

Entender melhor a respeito é uma atitude absolutamente necessária, que vai evitar que fique perdida por muito tempo no limbo que existe entre os universos.

Pessoas que gostam de tanto dominar quanto se submeter são uma ocorrência tão comum que até tem um nome no Universo BDSM. O nome é Switcher. Ele forma com os Dominadores e submissos as três categorias de pessoas que habitam este Universo.

Esta descoberta e todas as outras vão ser frutos da viagem interior absolutamente necessária nessa difícil transição.

A prática Dominante em específico pode ser encarada em dois níveis. Um nível básico e focado na utilização das práticas e técnicas de Dominação e um outro bem mais avançado, onde se faz uso do poder propriamente dito sobre a outra pessoa que se entrega e confia. Para o primeiro nível, qualquer um, você incluída está apta a experimentar, desde que saiba exatamente o que está fazendo, tanto em relação às técnicas empregadas quanto aos aspectos de Sanidade, Segurança e Consensualidade.

Se você já começa com um amigo/parceiro que se propõe a interagir com você te mostrando o caminho das pedras, você já começa bem e querer entender melhor esse mundo é o que mais faço... bem-vinda ao meu mundo.


GLADIUS MAXIMUS



► Descobrindo o BDSM



Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.