Dicas para Iniciantes 1

Tenho interesse por bdsm...gostaria de experimentar e de aprender... algum conselho pra mim? 

A resposta a sua questão se encontra na própria pergunta, pois assim como na vida, no BDSM você vai sempre se manter nesse ciclo de “experimentar”e “aprender”. Isso é algo que não mudou para mim. O tempo vai passando e esse ciclo não acaba, continuo experimentando e aprendendo.

Agora, existem alguns cuidados e procedimentos que você não deve deixar de observar.

Não se precipite.

Não compre de cara o que te falam. Ouça tudo... leia tudo... pense... e chegue às suas próprias conclusões.

Cuidado com o bla bla bla. Nem sempre tudo é o que parece. Nem sempre (aliás quase nunca) um moço vestido de preto é um Dominador de verdade. Nem sempre uma mocinha de coleira é uma submissa de verdade. No começo você vai encontrar muita gente que acha que sabe tudo.

Nem tudo é o que parece, mas algumas coisas são exatamente o que parecem. Se você for uma pessoa verdadeira e bem intencionada, vai identificar instintivamente outras pessoas como você.

O Universo BDSM é um grande parque de diversões para adultos. Um lugar perfeito e maravilhoso, onde pelo menos por determinados períodos vivemos a utopia de ser o que somos no total. Um lugar onde podemos viver de acordo com a nossa própria natureza.

Um lugar que, pelas próprias características, é perfeito para alguns indivíduos problemáticos se camuflarem e se disfarçarem em coisas que não são. Alguns especialmente perigosos como os animais que gostam de ferir de verdade se disfarçando de sádicos e de pessoas autodestrutivas e suicidas se fazendo de masoquistas.

Ainda falando de parques, pense... Vamos ao Parque para arejar a cabeça e recarregar as forças para voltar para a batalha pela vida no mundo baunilha. É um erro ir para o parque para se esconder dos problemas ou para se resolver a vida.

Cuidado... Uma coisa interessante que acontece de forma muito comum é o fato dos iniciantes trazerem os valores errados do mundo baunilha, deixando de lado toda a parte boa do que acontece por lá.

No mundo baunilha aprendemos a “ficar” ou namorar antes de noivar e casar. É uma atitude no mínimo temerária você se colocar “na mão” de uma pessoa que acabou de conhecer e de usar uma coleira indicando que esta pessoa te possui. Cheque a reputação das pessoas com quem conversa e desconfie de quem já chega querendo por coleira em você.

Recomendo que comece experimentando e aprendendo. Que se integre a algum grupo que possa praticar e conversar sem o peso de uma relação Dono/posse. Conheço gente com anos de BDSM que não está pronta para esse tipo de interação.

Mais uma coisa... CUIDADO... sempre.

7 comentários:

  1. Gosto mto do seu blog, Sr e em especial desta parte de perguntas e respostas.
    Parabéns pela iniciativa
    Bjssssss
    Hellena

    ResponderExcluir
  2. Obrigado pelos elogios... envaidecido aqui.

    São comentários como o seu que me motivam a continuar.

    G.M.

    ResponderExcluir
  3. Adorei seu blog e gostaria de usar um pedacinho dele no meu se o Srº permitir é claro q colocarei q tirei do seu rsrs
    super esclarecedor e gostaria q visitasse o meu, sou uma iniciante mas bem observadora rs

    ResponderExcluir
  4. Fico feliz e envaidecido com o seus elogios.

    Quanto aos pedacinhos, desde que coloque a referencia a autoria e um atalho para a matéria fonte no meu Blog, pode usar sem problema.

    G.M.

    ResponderExcluir
  5. Bom dia eu e minha submissa fizemos algo meio diferente, ela usa tipo uma coleira diferente, ela fez uma tattoo bem delicada com um cadeadinho bem delicado e eu fiz a chave, é como vc diz nem todas {os} são fiéis, mais no nosso caso eu confio na fidelidade .

    ResponderExcluir
  6. Muito esclarecedor, obrigada!

    ResponderExcluir
  7. Boa noite mestre! Sou uma submissa nada e quero muito conseguir um jeito de fazer meu namorado um verdadeiro Dom. Como posso abordar o assunto sem deixar explicitamente claro que o sexo baunilha não me satisfaz por completo?

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.