Relações BDSM - Por que algumas que tem tudo para dar certo... dão errado?

Na sua opinião, porque algumas relações que tem tudo para dar certo... dão errado? by myrah

Isso é muito relativo, pois não é assim tão simples.

Seria bom se tudo se resumisse apenas em um “deu certo” ou um “deu errado”. Mas cada caso é um caso único e específico da mesma maneira que seres humanos são únicos e específicos.

Quando transferimos isso para relações, onde duas ou mais pessoas interagem, as possibilidades são infinitas.

Vou recorrer a uma frase de um dos maiores "Dominadores" que já existiu nesse Brasil (mesmo que talvez nem ele soubesse disso) Vinícius de Morais. “Que não seja imortal, posto que é chama
Mas que seja infinito enquanto dure.”.

(Sobre esta questão em específico de presumir que Vinícius seria um Dominador respondi aqui: Achei interessante sua colocação de Vinicius ser um dominador, e que talvez nem ele tivesse consciência disso... Quais as características de dominador você enxerga nele ? e na verdade se ele é Dominador, Switcher, submisso, libertino ou apenas um grande sacana, qualquer que seja o rótulo, sou seu fã por vários motivos e o maior deles é a capacidade que ele tinha de falar muito com poucas palavras.)

Esta é uma daquelas frases que são obras primas, pois encerra em poucas palavras um conteúdo imenso e profundo. Frase tão boa que pode ser estendida para várias áreas da interação como a equação da relatividade de Einstein vale para física.

Então para uma relação dar certo tem que haver um esforço grande das partes envolvidas. Isso envolve entrega e muita diplomacia de TODOS.

Estas relações de que você fala “que tem tudo para dar certo e dão errado”, na verdade dão errado pois de alguma forma não são relações em perfeito equilíbrio.

Equilibrar uma relação no BDSM é mais fácil do que no mundo baunilha, pois basta que as partes sejam verdadeiras e que todas as cartas sejam colocadas na mesa.

Tive algumas relações que deram muito certo durante o tempo que duraram e recomendo a quem vive uma dessas que valorize cada segundo da interação. Para quem não tem uma dessas, tente transformá-la ou busque um parceiro ideal.

Enfim a relação deve ser vivida de forma infinita enquanto durar. Ponto para o Vinícius.

GLADIUS MAXIMUS


► Relações BDSM - Por que algumas que tem tudo para dar certo... dão errado?



Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.