Futuro do BDSM

O Senhor já se perguntou em como será o BDSM no Brasil daqui a 2 ou 3 décadas? Já pensou sobre isso, ou não é um assunto que lhe incomoda diretamente?

Uma coisa é certa...

dentro de duas ou três décadas o BDSM brasileiro vai ter um dominador ancião chamado de Vovô Gladius que vai estar beirando os 70.

Como sou adepto do pensamento que a vida é o caminho e não o destino, vejo todo o trabalho que tem de ser feito no sentido de mostrar a luz para os que querem ver e quanto vou crescer no processo.


Hoje em dia não vejo mais o assunto como "O BDSM no Brasil". O que existe agora é muita gente se dizendo BDSM e que nem faz a menor ideia de como é esse universo. Por esse motivo, esse não é um assunto que me incomoda diretamente. Simplesmente não vou poder fazer muito pelo BDSM no Brasil.

O que é real é o que posso fazer pelo BDSM para as pessoas que estão a minha volta e sei que tem capacidade para enxergar. Meu foco agora é fazer o bem às pessoas que estão a minha volta e que estarão andando paralelo a mim no meu caminho.

E como será???

Se todos os que estão pelos motivos certos, fizerem a mesma coisa, o Universo BDSM não ficará muito diferente do que é agora, porém, haverá pessoas muito mais qualificadas, e teremos muito mais ação.


GLADIUS MAXIMUS









Nenhum comentário



___________________________

AVISO: Todas as práticas, atividades e comportamentos relacionados ao BDSM devem ser realizados dentro dos limites do SÃO, SEGURO E CONSENSUAL. Para além do S.S.C. e da hierarquia, que são conceitos básicos e fundamentais dentro das relações BDSM, tudo o que eu falo representa apenas a MINHA VISÃO sobre esse universo. E quando falo de dominadores, submissas e relações... vale para todos os gêneros e combinações. O que importa é a posição hierárquica da parte, ou seja, se é dominante ou submissa.
Tecnologia do Blogger.